quarta-feira, 12 de julho de 2017

Vila Militar: um bairro planejado pelo Governo Federal

Localizada na Zona Oeste entre Deodoro e Magalhães Bastos, a Vila Militar é um bairro a parte e os quartéis e residências começaram a ser construídos em 1915


A série "Você sabia?" que mostra toda história e os significados por trás dos nomes de bairros da Zona Oeste do Rio de Janeiro de uma forma dinâmica e de fácil entendimento, chega ao 3º bairro, a Vila Militar.

Por incrível que pareça muitos não sabem que a Vila Militar é um bairro ou pensam que este local faz parte de Deodoro, por causa do Complexo de Deodoro, que apesar do nome, suas instalações Olímpicas, ou seja, esportivas se situam na Vila Militar e não em Deodoro. Interessante, não é?
A imagem ilustra onde se localizam as instalações esportivas (Vila Militar) e onde fica o bairro Deodoro
 (Foto: Google Maps)
De classe média alta e com uma segurança exemplar, por se tratar de um espaço ao qual em sua maior parte se encontram instalações militares, a região é referência para civis e militares praticarem esportes por se ter o Parque Radical do Rio com espaços abertos para todos.

A história 

Em 1904 deu-se origem a construção da Vila Militar devido a necessidade vista pelo Governo Federal em reformar à Escola Militar (Realengo). Além disso, foi observada a necessidade em estudar a reorganização geral do Exército, tendo a premissa de obter-se um espaço para os militares receberem instruções práticas de combate em instalações adequadas, para assim, exercerem suas atividades da melhor maneira possível.

Marechal Hermes, com certeza você já deve ter ouvido este nome. Na época ele era Ministro da Guerra e conduziu a iniciativa de criar a Vila Militar na ZO.

Três anos depois, em 1907, foi formada uma comissão para a construção do bairro e um dos membros, na ocasião, era o Tenente Coronel Magalhães Bastos, que foi homenageado com o seu nome no bairro vizinho à Vila Militar. O Ten. Coronel também tem uma história para ser contada. Abordaremos a história de Magalhães Bastos em breve

No ano seguinte com a compra da fazenda Sapopemba deu-se por efetivado o início dos quartéis e por consequência, as moradias dos integrantes das forças armadas. Mas somente em meados de 1915, posteriormente a reorganização do Exército Brasileiro, as construções tiveram o seu ponta pé inicial. O responsável foi Antônio Leite Magalhães Bastos.

Atualmente, a Vila Militar foi sede de grandes eventos relacionados ao esporte: Jogos Pan Americanos (2007), Jogos Mundiais Militares (2011), Jogos Olímpicos de Verão (Rio 2016). E conta com mais de 60 mil militares, a maior concentração militar da América Latina. Patrulhamento 24 horas por dia
(Foto: Reprodução)
Vizinhos de ZO: Deodoro, Campo dos Afonsos, Jardim Sulacap, Realengo e Magalhães Bastos. A Vila faz parte da XXXIII Região Administrativa do Rio de Janeiro (Realengo).

A estação de trens do bairro, reformada para a Rio 2016, apresenta um prédio em forma de castelo como visto na primeira imagem da matéria.

Veja as duas primeiras histórias da série "Você Sabia?"

Repórter - Daniel Valle

Danielvalleq@gmail.com

Postagem Anterior
Proxima Postagens

Postado Por:

0 comentários:

Deixe aqui o seu comentário.




Arquivo do portal